A-400M da Força Aérea Espanhola é modificado para missões médicas

A400M pertencente à Força Aérea da Espanha (Imagem Ilustrativa)

A Unidade Médica de Aeroevacuacion (UMAER) alcançou um novo desafio. Um dos A400Ms do Ala 31, com sede em Zaragoza, foi modificado para missões médicas em capacidade máxima. O transporte de 5 pacientes críticos e 14 pacientes de menor assistência foi validado.

O A400M é o maior e mais moderno avião de transporte da Europa. Fabricado na fábrica da Airbus em Sevilha, é operado pelas forças aéreas da Alemanha, Reino Unido, França e Espanha, entre outros.

A montagem dos paletes que convertem a aeronave de transporte em um verdadeiro hospital voador foi realizada na base aérea de Torrejón (Madri).

Em seguida, foi realizado um voo de verificação de compatibilidade, para verificar se o equipamento médico não interfere com o do avião, se as tomadas são compatíveis e muitos outros aspectos técnicos que devem ser levados em consideração em uma operação tão complexa.

O UMAER tem a capacidade de montar um UCI em diferentes tipos de aeronaves da Força Aérea. Cada configuração é adaptada à capacidade da aeronave.

Da mesma forma, em 3 de abril, foi validada a configuração do avião C-295 da 35ª ala, demonstrando sua capacidade de evacuar 3 pacientes críticos e 4 pacientes de menor importância.

Foto: Força Aérea Espanhola

Trabalhamos incansavelmente para projetar todas as configurações possíveis e validar as capacidades máximas das aeronaves, para atender às necessidades da sociedade espanhola nessas circunstâncias críticas. “Pelo céu sempre na hora”, como diz o lema da UMAER.


Fonte: Força Aérea da Espanha 

DEIXE UMA RESPOSTA