Sukhoi Su-30SM da Força Aérea do Cazaquistão. Foto: Alexey Korshunov/RussianPlanes.net via Wikimedia.

Um caça multifunção Sukhoi Su-30SM Flanker da Força Aérea do Cazaquistão caiu ao aproximar-se para o pouso no Aeroporto de Balkhash, na região sudeste do país. Os dois tripulantes se ejetaram e estão sob cuidados médicos. 

Em comunicado ao portal Sputnik, o Ministério da Defesa disse: “Após um voo de treinamento, durante a aproximação para o pouso no centro de treinamento de aviação da cidade de Balkhash, o caça multifuncional Su-30SM caiu. A tripulação da aeronave foi ejetada, os pilotos estão vivos e sob supervisão médicos.”

O acidente já está sob investigação por uma comissão especial. Até o momento não há relatos de feridos nem imagens do incidente. 

O Su-30SM do Cazaquistão é uma subvariante do Su-30MKI, originalmente desenvolvido para a Força Aérea Indiana, sendo similar aos caças Su-30MKM da Malásia e Su-30MKA da Argélia.

O caça possui radar de varredura eletrônica passiva (PESA), motores com vetoração de empuxo, canhão de 30mm e pode carregar diversos armamentos ar-ar e ar-solo. Além do Cazaquistão, o Su-30SM é operado na Rússia, Bielorrússia e Armênia. 

Sukhoi Su-30SM.