Aeromexico solicita Recuperação Judicial com base no Chapter 11

Foto - Boeing

A Aeromexico declarou na noite de ontem (30/06) que solicitou judicialmente o enquadramento da companhia na Lei de Falência dos EUA (Chapter 11), assim como a Avianca Holdings e o Grupo LATAM, outras companhias da América Latina.

De acordo com a companhia, os voos e o serviço continuam os mesmos, mesmo com a Recuperação Judicial da companhia. O processo será realizado para garantir o pagamento de credores, nesta crise que a companhia enfrenta.

“A Companhia e algumas de suas filiais iniciaram hoje um procedimento voluntário sob o Capítulo 11 nos Estados Unidos. Continuaremos a operar enquanto estivermos sob o procedimento. Vamos oferecer o mesmo serviço de qualidade aos nossos clientes.”

“Nossa indústria enfrenta desafios que nunca vimos antes devido a uma redução incrível na demanda de passageiros em todo o mundo. Estamos comprometidos em adotar as medidas necessárias para operar de forma contínua e eficiente sob essa nova realidade”, disse o CEO da Aeromexico, Andres Conesa.

A Aeromexico já estava com uma situação financeira fragilizada antes da crise, com vários trimestres seguidos trabalhando no prejuízo. A companhia não descarta receber auxílios financeiros estatais, ou contrair empréstimos.

Por outro lado, a Aeromexico tem uma frota de 68 aeronaves, e não descarta modificações estruturais para manter a eficiência operacional.

 

DEIXE UMA RESPOSTA