Airbus A319 Turkish
Foto: Anna Zvereva

No último domingo(4) um Airbus A319 da Turkish Airlines precisou ser evacuado as pressas devido a uma ameaça de bomba a bordo. A aeronave partiria de Warsaw em Varsóvia com destino a Istambul, completando o trecho de bate-volta. 

O Airbus A319 de matrícula TC-JLZ estava com 103 passageiros a bordo operando o voo TK1766. Próximo de alinhar na pista 29 do Aeroporto de Varsóvia, a tripulação recebeu o aviso que poderiam estar com uma bomba a bordo, a aeronave foi prontamente evacuada em segurança.

As viaturas do corpo de bombeiros e dos seguranças do Aeroporto chegaram até aonde o Airbus havia parado. Seguindo todos os protocolos estabelecidos para lidar com situações de uma possível bomba, a pista foi fechada e a aeronave isolada. 

“ Os serviços do Aeroporto Chopin de Varsóvia receberam informações de que um artefato explosivo pode estar a bordo de um dos aviões ”, disse a tenente Lieutenant Dagmara da Guarda de Fronteira Polonesa. 

O avião da Turkish deveria partir de Warsaw às 19h00 (hora local), porém somente após às 22h00, depois de um pronunciamento de um porta-voz do Aeroporto de que não havia encontrado a bomba, o avião partiria às 23h00.

Felizmente, foi um alarme falso, embora seja terrivelmente desagradável que em tal situação Covid estejam ocupadas ambulâncias que poderiam ser úteis aos pacientes”.

O A319 partiu com os 103 passageiros sem maiores problemas e realizou o voo em 2 horas e 17 minutos aproximadamente. O pouso ocorreu já no dia seguinte, na madrugada do dia 5 de abril às 02h17 da manhã. 

 

Fonte: Aviation24