Airbus A350 British Airways
Foto: Airbus

No último dia 02 de janeiro um Airbus A350-1000 da British Airways, de matrícula G-XWBC sofreu um tail strike quando estava pousando no Aeroporto de Heathrow, em Londres.

A aeronave estava cumprindo o voo BA-104, procedente de Dubai, nos Emirados Árabes Unidos. O voo era regular e estava com passageiros a bordo da aeronave.

O tail strike ocorreu enquanto a aeronave estava realizando um pouso a partir da cabeceira 27L, como citando anteriormente. Os pilotos perceberam o problema e decidiram arremeter, realizando uma nova aproximação em outra pista, a 27R.

A aeronave pousou sem mais problemas cerca de 15 minutos após a primeira aproximação do aeroporto, quando o tail strike ocorreu.

Os danos podem ser vistos na imagem abaixo, mostrando um “raspado” na cauda do Airbus A350 da companhia. A aeronave deverá passar por reparos em Londres nos próximos dias.

O nome tail strike, em inglês, descreve quando uma aeronave raspa ou bate com sua cauda na pista. Comum nas decolagens de grandes aviões, a colisão acontece geralmente devido a um ângulo de ataque muito elevado da aeronave na decolagem ou pouso, possivelmente devido a manobras do piloto para “puxar” rapidamente o manche.

Via: The Aviation Herald

DEIXE UMA RESPOSTA