Airbus U.S Army Exército Estados Unidos
Foto: Airbus

A Airbus assinou um contrato de suporte logístico do contratante (CLS) com o Exército dos EUA para fornecer peças sobressalentes, material e suporte de engenharia para toda a frota de UH-72A e UH-72 B Lakota do Exército de 482 utilitários e helicópteros de treinamento.

O contrato inclui uma base de seis meses e 4,5 anos de opção, com um valor total potencial de mais de US$ 1,5 bilhão. A Airbus fornecerá suporte em 67 unidades da Lakota nos EUA e no exterior. Isso inclui bases da Guarda Nacional em 43 estados e Fort Rucker no Alabama, onde o UH-72A realiza a missão da Asa Rotativa de Entrada Inicial do Exército (IERW).

O contrato com o Exército dos EUA é o maior contrato de suporte baseado em desempenho de helicóptero gerenciado pela Airbus em todo o mundo.

O UH-72B é produzido nas instalações da Airbus em Columbus, Mississippi, enquanto a logística é gerenciada nas instalações em Dallas, Texas. A força de trabalho que suporta essas plataformas é de aproximadamente 40% de veteranos militares dos EUA.

O Exército dos EUA utiliza os modelos UH-72A e UH-72B para realizar uma variedade de missões, incluindo as missões antidrogas e de fronteira sudoeste para a Guarda Nacional do Exército.  

No ano passado, a frota UH-72 Lakota ultrapassou a marca de 1 milhão de horas de voo, cerca de 15 anos após o primeiro Lakota UH-72A entrar em serviço com o Exército dos EUA. A plataforma Lakota é uma aeronave bimotor altamente capaz com modernos sistemas de cabine de vidro, controle de voo e navegação. O Lakota continua sendo o helicóptero bimotor de menor custo do Exército para comprar, possuir e operar.

O contrato será administrado pela Airbus US Space & Defense. Com sede em Arlington, VA. Operando sob um Acordo de Segurança Especial, a Airbus US Space & Defense, Inc oferece soluções avançadas para atender aos mais complexos requisitos de defesa, segurança, espaço e inteligência dos EUA. Parceira do governo dos EUA de longa data, a Airbus nos EUA aproveita as soluções de satélite de classe mundial, comunicação a laser, rotor e asa fixa para ajudar nossos clientes focados em Segurança Nacional a cumprir suas missões.

Via: Airbus