Airbus/Divulgação.

A Airbus Helicopters realizou a entrega do primeiro helicóptero UH-72B Lakota para a Guarda Nacional do Exército dos EUA em sua unidade de produção em Columbus, Mississippi. Esta entrega é a primeira de 18 helicópteros UH-72B Lakota atualmente encomendados para apoiar as missões críticas da Guarda Nacional.

“Com a adição do UH-72B Lakota à nossa frota, o Exército dos EUA aumenta sua capacidade de salvar vidas, proteger comunidades e fornecer ajuda em desastres quando é mais necessário”, disse o Coronel Calvin Lane, gerente de projeto do Exército dos EUA para helicópteros utilitários. “O helicóptero Lakota tem sido um grampo do Exército por mais de 15 anos, e esperamos nos beneficiar das tecnologias e desempenhos mais recentes que a mais nova variante 72B fornecerá, sem custos adicionais de pesquisa e desenvolvimento para o Exército.”

O UH-72B é a mais recente versão da comprovada aeronave pronta para uso que tem sido o Helicóptero Utilitário Leve do Exército desde o primeiro contrato para aquisição do Lakota em 2006. O Exército está aproveitando os benefícios de uma aeronave comercial pronta para uso (COTS) recebendo melhorias e aprimoramentos do produto por meio da evolução da aeronave, sem investir nenhum dinheiro do governo no desenvolvimento dessas capacidades. 

Com base no H145 de grande sucesso, o UH-72B incorpora tecnologias que aumentam a segurança e o desempenho de voo, incluindo o rotor principal de cinco pás, o rotor de cauda Fenestron, os motores Safran Arriel 2E e o conjunto de aviônicos Helionix projetado pela Airbus. O conjunto Helionix inclui um piloto automático dual-duplex avançado de quatro eixos para fornecer envelope de voo e proteção acima do limite, decolagem automatizada e abordagens totalmente acopladas para pairar. 

Airbus/Divulgação.

“Nossas equipes no Mississippi, muitas das quais são veteranos do Exército dos EUA e da Guarda Nacional, têm o orgulho de construir e entregar a primeira desta mais nova variante do Lakota em apoio às missões essenciais do Exército protegendo e servindo nosso país”, disse Scott Tumpak, vice presidente responsável pelos programas de helicópteros militares da Airbus nos Estados Unidos. “Agradecemos ao Exército pela confiança que depositou na Airbus por mais de 15 anos, enquanto continuamos a construir o legado Lakota para as mulheres e homens militares que dependem nele.”

Com quase 10 configurações diferentes disponíveis, o Lakota oferece desempenho comprovado, excelente confiabilidade operacional e versatilidade incomparável para um amplo espectro de missões militares. A Airbus Helicopters constrói o Lakota em sua unidade de produção em Columbus, Mississippi, que emprega uma força de trabalho de cerca de 250 funcionários, doas quais 40% são veteranos norte-americanos.

DEIXE UMA RESPOSTA