A Airbus realizou hoje (25/04) o primeiro voo do A319neo equipado com motores Pratt & Whitney PW1100G. A aeronave decolou de Toulouse, na França, às 12h30 (horário local), e aterrissou às 15h20.

Ela foi pilotada por uma tripulação de cinco pessoas, incluindo o capitão Philippe Castaigns, o primeiro oficial Shaun Wildey, os engenheiros de testes de voo Frank Hohmeister, David O’Nions e Cedric Favrichon.

A aeronave, que carrega o MSN 6464, realizará uma extensa campanha de testes de voo para obter a certificação com motores P&W até o 4º trimestre de 2019.

O A319neo iniciou as campanhas de testes com CFM International LEAP-1A no 1º trimestre de 2017, essa versão já foi certificada em dezembro de 2018, pela FAA e EASA.

A Airbus ainda vai precisar de mais 200 horas de testes para certificar a versão do A319neo equipada com motores Pratt & Whitney.

O A319neo registra aproximadamente 30 encomendas, sendo dois clientes de aviação comercial e algumas encomendas para a versão ACJ, de interior executivo e tanques extras.

Este avião pode acomodar 140 passageiros em duas classes ou até 160 em um layout de alta densidade, o destaque é o alcance de 7000 quilômetros com a capacidade sugerida de passageiros em duas classes.

DEIXE UMA RESPOSTA