Air Transat

A Air Transat cumpriu nesta última segunda-feira (30/03) o seu voo final com o Airbus A310, transportando passageiros entre Porto (Portugal) e Toronto (Canadá).

O Airbus A310 transportou cidadãos canadenses que estavam presos na Europa devido às restrições de viagem. Logo após esse voo, a aeronave será encaminhada para ser retirada da frota da empresa.

A aposentadoria do A310 está ocorrendo cerca de um mês antes do planejado pela Air Transat, que tem um planejamento de substituir essas aeronaves pelos novos A321LR.

Os aviões Airbus A310 da Air Transat que estavam até então operando tinham uma idade média de 29 anos, e fazem parte da primeira geração de aviões desenvolvidos pela Airbus, sendo que o A310 é um derivado direto do A300, desenvolvido pela fabricante europeia entre 1967 e 1974.

A canadense Air Transat encomendou 10 aviões Airbus A321LR, através de uma contrato de leasing da AerCap, para substituir os antigos A310. A companhia optou por uma configuração da aeronave com duas classes, totalizando 200 assentos.

De acordo com a Airbus essa nova aeronave tem capacidade de alcançar até 6500 km totalmente lotada de passageiros e carga, além de transportar até 240 passageiros na classe econômica ou 206 em duas classes, neste último caso, com um alcance de 7400 km.

 

DEIXE UMA RESPOSTA