Boeing 767-300 Austrian Airlines

A Austrian Airlines aposentou mais um Boeing 767-300 de sua frota, ao todo agora a companhia aérea austríaca possui 4 aeronaves do tipo. No começo deste ano, a companhia já havia retirado um Boeing 767, a retirada faz parte do processo de renovação da empresa. 

Como parte do Grupo Lufthansa, a empresa foi obrigada a seguir os passos das empresas matriz e retirar os aviões mais antigos para diminuir os custos com manutenção e com combustíveis.  O ajuste de frota acontece em meio a incertezas do setor, já que a pandemia ainda causa restrições em alguns países.

Hoje pela manhã, o Boeing 767-300 de matrícula OE-LAX decolou de Viena por volta das 7 horas da manhã com destino a Bangor no Maine. Antes de seguir sua viagem final sob a marca da Austrian, a aeronave passou por verificações fiscais antes da liberação para entrar nos EUA. O seu destino final no país será a cidade de Michigan.

O Boeing 767-300 OE-LAX

O Boeing 767-300 de matrícula OE-LAX é uma aeronave de 28.5 anos, portanto foi fabricada em 1992. A sua primeira companhia aérea foi a Lauda Air com a mesma matrícula OE-LAX. Em 1999 foi transferido para uma subsidiaria da empresa, a Lauda Air Italy. 

Depois de 4 anos, voltou a Lauda Air, por onde voou até 2007. A Austrian adquiriu a Lauda Air e com isso incorporou toda a empresa, essa mesma aeronave e com a mesma matrícula, foi repassada para a Austrian Airlines, por onde prestou serviços até hoje dia 30 de abril de 2021. 

Com a saída do Boeing 767 da frota, a Austrian conta apenas com o Boeing 777-200 para seus voos mais longos. A empresa conta com uma frota de 43 aeronaves atualmente, entre eles o Airbus A319 e A320, além do Dash 8 e do Embraer 190. A família A320 é bastante comum em empresas do Grupo Lufthansa junto com o E190, em breve mais um 767 deverá deixar a empresa.