Foto - Divulgação/Orbital

Na sexta reunião com o Snea (Sindicato Nacional das Empresas Aeroviárias) para negociação da renovação da CCT da aviação regular, realizada nesta quinta-feira (18), o SNA informou o resultado da votação em que a categoria reprovou a proposta das empresas.

O sindicato patronal não apresentou nenhuma outra proposta que eventualmente pudesse ser levada a deliberação da categoria.

Permanece válida a diretriz aprovada pela categoria de iniciar procedimentos para instauração de movimento grevista caso não seja formalizada a renovação da CCT até o dia 20 de novembro de 2021.

Na votação da proposta das empresas, foram registrados 92,9% de votos contrários e 6,67% de votos a favor, além de 0,43% de abstenções. Participaram da deliberação 6.596 votantes.

A proposta rejeitada não contemplava a reivindicação da categoria de recomposição das perdas inflacionárias dos últimos 24 meses — as empresas propunham reajuste somente na parcela variável dos salários pelo INPC dos últimos 12 meses.

“As empresas aéreas, por meio do SNEA, mantém-se flexíveis com relação às negociações e continuam engajadas em encontrar a melhor solução para todos”, disse o SNEA, que representa as empresas aeroviárias, antes da última tentativa de aprovação.

 

Via: SNA

DEIXE UMA RESPOSTA