Esquadrilha da Fumaça
Foto: Esquadrilha da Fumaça/FAB

Hoje foi dia de muita emoção no EDA – Esquadrão de Demonstração Aérea, pois foram anunciados os dois novos aviadores que farão parte do Esquadrão mais popular da Força Aérea Brasileira, a Esquadrilha da Fumaça.

Por volta das 10h, na Academia da Força Aérea (AFA), o Capitão Aviador João Bernardo Costa Neves, decolou para um voo de instrução do Segundo Esquadrão de Instrução Aérea (2º EIA) e não esperava que fosse ser interceptado por dois A-29 Super Tucano da Esquadrilha da Fumaça.

“Eu estava na expectativa por ter colocado meu nome para ser da Fumaça, mas não sabia que tinha sido aprovado e que seria interceptado hoje. Foi muita emoção”, vibrou o aviador.

Ao mesmo tempo, o Capitão Aviador Filipe Pereira Santos, instrutor do Segundo Esquadrão do Quinto Grupo de Aviação (2º/5ºGAV), mais conhecido como Esquadrão Joker, localizado em  Parnamirim – RN, recebeu um vídeo surpresa de seus irmãos de farda da Esquadrilha da Fumaça sendo anunciado como o mais novo integrante dos fumaceiros.

Para  o Capitão Pereira, “Foi uma enorme surpresa e alegria receber a notícia de que farei parte do seleto time da Esquadrilha da Fumaça. Entre tantos pilotos de altíssimo nível que participaram do processo seletivo, fico muito honrado por ter sido escolhido para que, em breve, possa representar o EDA e a Força Aérea Brasileira. Agradeço àqueles que depositaram sua confiança no meu trabalho, seguro de que continuarei entregando sempre o meu melhor para elevar cada vez mais alto o nome do Brasil. Fumaça… Já!”, bradou.

Ambos os pilotos chegarão em breve no hangar da Fumaça e terão de realizar o curso de Piloto Operacional de Demonstração Aérea (PODA), que tem duração de até seis meses, para que possam aprender os conceitos de acrobacias a baixa altura e da doutrina do voo no EDA.

Após este período, no qual deverão cumprir em torno de 80 missões, ambos estarão aptos para se apresentarem com a Fumaça em demonstrações no Brasil e no exterior.

“É prazeroso poder acompanhar de perto esses momentos. Já estive em uma situação parecida e sei da emoção que é ser escolhido para fazer parte da Esquadrilha da Fumaça. Desejo que ambos possam aproveitar ao máximo este momento e que possam levar a bandeira do Brasil na cauda dos aviões de Norte a Sul do País junto com os demais integrantes”, comenta o Tenente Coronel Aviador Daniel Garcia Pereira, Comandante do Esquadrão.

 

Via: EDA