Azul Ponta Porã

A Azul Linhas Aéreas (B3: AZUL4, NYSE: AZUL), a maior companhia aérea do Brasil em números de cidades atendidas, anunciou hoje os resultados esperados em termos de capacidade, RASK, EBITDA e alavancagem para 2022, EBITDA e alavancagem para 2023 e alavancagem para 2024. 

Com base nas melhores informações disponíveis, compartilhamos as nossas projeções conforme segue:

1) Azul espera aumentar a capacidade em aproximadamente 10% em 2022 em comparação com 2019.

Continuamos servindo e conectando o Brasil através de nossa malha única e da nossa frota diversificada. No 1T22, alcançamos um recorde de 151 destinos atendidos.

Também vimos nove meses consecutivos de forte e crescente demanda de lazer, ao mesmo tempo em que o corporativo acelerou rapidamente. Como resultado, esperamos crescer a capacidade total em aproximadamente 10% em 2022 em comparação com 2019. 

2) Esperamos aumentar o RASK em mais de 20% no ano de 2022 em comparação com 2019.

Terminamos o 1T22 com tarifas em níveis recordes tanto no segmento de lazer quanto no segmento corporativo.

Em comparação com 2019, a receita corporativa já recuperou mais de 120%, enquanto o tráfego corporativo ainda está 71% dos níveis pré-pandemia, indicando potencial de recuperação adicional.

Continuamos confiantes de nosso potencial de receita para 2022 e estimamos que nosso RASK aumentará mais de 20% em 2022 em comparação com 2019.

3) Estimamos gerar EBITDA em 2022 de R$4 bilhões e EBITDA em 2023 de R$5,5 bilhões. 

Permanecemos fortemente focados na execução de nosso plano de negócios para 2022, com ênfase na expansão de nossa malha exclusiva, com disciplina em nossa gestão de capacidade e ganhos de eficiência.

Considerando o cenário atual de demanda, combustível e câmbio, esperamos gerar EBITDA recorde de R$4 bilhões em 2022, mesmo com o impacto da variante Omicron no primeiro trimestre. Também projetamos um EBITDA de R$ 5,5 bilhões em 2023, comparado ao nosso EBITDA recorde anterior de R$ 3,6 bilhões em 2019.

4) Azul espera terminar 2022 com alavancagem calculada como dívida líquida/EBITDA dos últimos doze meses, começando com um 5, incluindo caixa e equivalentes de caixa, investimentos de curto prazo e contas a receber.

Considerando o cenário atual de recuperação da demanda e aumento da receita já realizado em 2022, além de nossa estratégia de desalavancagem e geração de EBITDA, estamos confiantes de que poderemos terminar o ano de 2022 com uma alavancagem começando com 5 e continuar a reduzir nossa alavancagem organicamente, levando-a para níveis começando com 4 em 2023 e com 3 em 2024.

Esta taxa de alavancagem inclui caixa e equivalentes de caixa, investimentos de curto e longo prazo, e contas a receber e exclui debêntures conversíveis.

Essas estimativas preliminares excluem eventos não recorrentes e impactos adicionais da pandemia:

Perspectivas

 

ASK total 2022 vs. 2019

~10%

RASK 2022 vs. 2019

>20%

2022 EBITDA²

~R$4.0 bilhões

2022 Leverage¹

5.X

2023 EBITDA²

~R$5.5 bilhões

2023 Leverage¹

4.X

2024 Leverage¹

3.X

 

 

Com informações da Azul Linhas Aéreas