Azul vai emitir R$1,7 bilhões em debêntures após concluir bookbuilding

TudoAzul Azul Brasil

A Azul, em complemento às informações constantes do fato relevante divulgado em 26 de outubro de 2020, informou que, em 6 de novembro de 2020, foi concluído o procedimento de coleta de intenções de investimento (bookbuilding), no âmbito da oferta pública de distribuição de debêntures conversíveis em ações preferenciais, da espécie com garantia real, com garantia fidejussória adicional, da primeira emissão da companhia, nos termos da Instrução CVM 400, cada uma com valor nominal de R$1.000,00, na data de emissão (“Debêntures”, “Emissão” e “Oferta”, respectivamente).

O compromisso de investimento de Knighthead Capital Management LLC e a Certares Management LLC (“Investidores Âncoras”) foi atendido conforme os parâmetros do acordo de investimento, de forma que: 

(i) houve alocação aos Investidores Âncoras de 1.668.720 Debêntures, no prêmio de conversão inicial em percentual de 27,50%. Os Investidores Âncoras não participaram do procedimento de bookbuilding;

(ii) os investidores que submeteram intenções de investimento, no procedimento de bookbuiding, no prêmio de conversão inicial em percentual de 27,50% foram alocados nas Debêntures adicionais (hot issue);

(iii) o preço de conversão será de R$ 32,2649 por ação preferencial resultando em um prêmio de conversão inicial de 27,50%, calculado sobre o VWAP de 30 pregões da ação de referência de R$25,3058; e

(iv) a Emissão consistirá em 1.745.900 Debêntures (já considerando 145.900 Debêntures adicionais), correspondentes ao valor total de R$1.745.900.000,00.

A realização da Oferta está sujeita ao registro pela CVM, nos termos da Instrução CVM 400, sob o regime de melhores esforços de colocação.


 

DEIXE UMA RESPOSTA