Boeing encontra objetos estranhos em tanques de combustível do 737 MAX

Foto - Boeing

A Boeing descobriu recentemente que alguns de seus 737 MAX armazenados têm objetos estranhos nos tanques de combustível.

Toda a frota de mais de 400 aviões 737 MAX recém-produzidos, mas não entregues, está sendo inspecionada.

Objetos estranhos, chamados detritos de objetos estranhos (FOD) na linguagem da aviação, consistem em ferramentas ou trapos. Alguns FODs foram encontrados nos tanques de combustível de alguns 737 MAX, armazenados em três locais no estado de Washington e em San Antonio (TX).

Detritos de objetos estranhos, um termo industrial para panos, ferramentas, aparas de metal e outros materiais deixados pelos trabalhadores durante o processo de produção, tem sido um problema de controle de qualidade para várias aeronaves da Boeing, como em seus aviões-tanque KC-46.

É improvável que as inspeções de FOD atrasem a re-certificação ou testes do 737 MAX, de acordo com a Boeing, mas demonstram que a Boeing precisa ter maior cuidado na produção do seu novo avião, que ainda passa por uma nova certificação.

Os objetos foram encontrados durante o trabalho de manutenção em algumas das centenas de aviões 737 MAX que a Boeing construiu, mas não foram entregues devido a uma proibição mundial de voo imposta em março do ano passado.

 

DEIXE UMA RESPOSTA