Bruce Dickinson voa e pilota um DC-3 no Canadá

O vocalista do Iron Maiden e piloto Bruce Dickinson, fez recentemente um voo em um clássico DC-3.

O voo aconteceu na província canadense de Alberta. A aeronave que o rockstar pilotou por breves momentos passou por uma reforma que durou sete meses, liderada pela equipe “Plane Saves”. Como o nome já diz, salva, reforma e coloca para voar novamente vários tipos de aviões.

Em um vídeo que pode ser visto acima, Bruce é convidado para o voo entre a cidade de Edmoton a Calgary, onde seria o próximo show da banda, e Bruce foi até a cidade voando neste clássico avião dos anos 30.

Banda toca Aces High como música de abertura da turnê Legacy Of The Beast. A música tem uma letra sobre aviação e conta com uma réplica de Spitfire no palco.

Como podemos ver no vídeo em um certo momento Bruce sentou na posição de comandante, e por breves momentos pilotou a aeronave. 

“É uma coisa bem difícil a manutenção de aeronaves e envolve uma grande quantidade de pessoas, sei porque tenho empresa que faz isso”, disse Bruce após o voo.

 

Cardiff Aviation:

Bruce palestrando na Campus Party BSB 2019

Bruce tem um empresa chamada Cardiff Aviation, que presta serviços de manutenção para aeronaves Boeing 737 e Airbus A320.


A empresa realiza o treinamento de pilotos, além de ter um simulador de um Boeing 747-400.

Hoje a empresa tem mais de 100 funcionários e tem sede em em Gatwick, Luton, Stansted, cerca de 20 minutos de voo a partir de Londres, a Cardiff Aviation ainda tem uma pista própria de 1825 metros.

Boeing 747 do Iron Maiden decolando de Brasília, em 2016.

Bruce também pilotou os dois últimos Ed Force One, de 2008 a 2011 (Boeing 757), e de 2015 a 2017, o clássico Boeing 747, voou com o comando de Bruce ao redor do mundo passando inclusive pelo Brasil.

Cmte Bruce Dickinson e ao fundo o glorioso Ed Force One.