Caças F-35 Lightning II em voo d eformação sobre a base de Edwards- Foto: Darin Russell, Lockheed Martin

A Base da Força Aérea de Edwards se despediu de seis dos seus F-35 Lightning II em outubro. Os F-35 foram transferidos para a Base da Força Aérea de Nellis, Nevada, para continuar os testes operacionais iniciais.

O 31º Esquadrão de Avaliação e Teste, uma unidade que ficou um tempo em Edwards, concluiu recentemente sua parte da missão de realizar testes iniciais de avaliação operacional da aeronave. O 31º TES, cuja unidade mãe é a 53a ala na Base da Força Aérea de Eglin, na Flórida, serviu como parte da Equipe de Teste Operacional Conjunta do F-35.

“O F-35 continuará com seu programa de testes operacionais”, disse o tenente-coronel Ryan Thulin, 31º comandante do TES. “Consolidamos as frotas da Nellis, para que eles possam lançar um número operacionalmente relevante de aviões instrumentados”.

A conclusão do IOT & E permite que a decisão de produção com taxa total seja tomada e leva à produção e ao campo de mais F-35s. Os seis F-35 agora estão atribuídos ao 422º TES em Nellis. Após o movimento F-35, o 31º TES continuará a trabalhar ou fornecer suporte para outros programas de teste, disse Thulin.

“Continuaremos a fazer o teste operacional de nossos programas de bombardeiros herdados, bem como o nosso teste operacional C2ISR (Comando e Controle e Inteligência, Vigilância e Reconhecimento) e adotaremos programas de acompanhamento”, disse Thulin.

 

Fonte: U.s Air Force