Quem trabalha na aviação sabe, a pintura de uma aeronave leva muitos quilogramas de tinta, e muitos dias de trabalhos. Neste caso erra não faz parte do vocabulário dos técnicos.

E foi exatamente isso que aconteceu com a Cathay Pacific, e cá entre nós, a companhia fez até piada com esse “prejuízo”.

Os responsáveis pela pintura colocaram a grafia Cathay Paciic, notavelmente esqueceram do “F” ao escrever o nome da companhia na fuselagem. O pior, vários aviões da Cathay já estão equipados com essa pintura, então o erro não é justificado.

A companhia disse que esse erro vai ser corrigido rapidamente, e o Boeing 777-200 poderá voltar a realizar voos.