A Cathay Pacific está realizando negociações para reduzir as suas encomendas do 777-9X, o mais novo avião da Boeing.

A decisão da companhia parte de uma redução das operações e do longo período de recuperação dos voos internacionais. A Cathay Pacific planeja necessitar de menos aviões ao longo dos próximos anos.

A companhia quer reduzir as suas encomendas de 21 para algo entre 10 a 15 aviões 777-9X, além de adiar as entregas para um período após 2025.

A mudança para reduzir o pedido atual reduziria bilhões de custos, mas uma fonte acrescentou que a companhia aérea está considerando outras aeronaves para suas necessidades futuras.

Uma porta-voz da Cathay disse que o pedido da Boeing seria adiado, mas não quis confirmar a redução no número de aviões.

“Conforme mencionado em nossa conferência de imprensa anual de resultados, a Cathay Pacific está em negociações avançadas com a Boeing para reprogramar seu pedido de 21 aeronaves 777-9X para após 2025”.