Embraer E195-E2 KLM
Foto: Aeroporto de Schiphol

Pousou ontem (25) em Amsterdã o primeiro Embraer E195-E2 da KLM, uma clássica companhia aérea europeia que novamente optou pelos aviões da brasileira Embraer.

O avião foi recebido em Amsterdã com uma comemoração especial em solo. Ao abrir a janela do cockpit duas bandeiras foram visualizadas, da Holanda e do Brasil.

Este E195-E2 agora deve passar por um período de adaptação na malha da companhia aérea, com treinamento das operações em solo e dos tripulantes, como acontece em toda a companhia aérea.

Na KLM, o Embraer E195-E2 vai operar no braço regional da companhia, a KLM Cityhopper.

O novo Embraer E195-E2 possui 132 assentos, sendo 20 na classe executiva, oito na economy comfort e 104 na econômica.

O Embraer E195-E2 é o 50º E-Jet a se juntar à frota da KLM Cityhopper de 17 jatos E175 de primeira geração e 32 E190. 

O pedido total de 35 jatos, sendo 25 pedidos firmes com opção para 10 adicionais, será disponibilizado à KLM pela ICBC Aviation Leasing (10) e pela Aircastle (15).

A KLM exerceu recentemente opções para mais quatro aeronaves, ampliando assim o pedido firme de 21 para 25 jatos, com as aeronaves adicionais sendo provenientes da carteira de pedidos da Aircastle.

A KLM é líder global em sustentabilidade entre companhias áreas, tomando medidas para tornar as operações ainda mais sustentáveis. A renovação da frota é uma estratégia para reduzir a pegada ambiental da companhia. O E195-E2, aeronave de nova geração da Embraer, é projetado especificamente para reduzir emissões e poluição sonora.

As credenciais ambientais do E2 impressionam: oferece uma redução de 31% nas emissões de carbono por assento em relação aos jatos E190 de primeira geração da companhia.