Foto - ANA

Uma comissária de bordo da All Nippon Airways (ANA) foi flagrada com álcool no sangue acima do limite, antes de assumir um voo da ANA.

A comissária, que tem cerca de 20 anos de idade, tinha bebido um pouco demais na noite anterior. Ela precisou se apresentar às 06h30 no Aeroporto de Fukuoka, e de imediato uma equipe do aeroporto pediu para ela realizar o “teste do bafômetro”.

A máquina analisou sua respiração e descobriu que ela tinha 0,14 miligramas de álcool em seu sistema. A ANA tem uma política de que a tripulação de cabine, pilotos e outros funcionários devem ter 0,00 miligramas de álcool quando verificados.

O caso da comissária fez a companhia atrasar uma sequência de quatro voos, visto que uma tripulação reserva precisou ser chamada pela empresa, e não estava disponível no aeroporto naquele momento.

A comissária de bordo ficou ressentida com seu erro e “lamentou violar os regulamentos da companhia aérea.”

Aparentemente, ela estava bebendo uma bebida local chamada Shochu (um tipo de licor destilado) na noite anterior com um amigo.