O Departamento de Controle do Espaço Aéreo (DECEA) lançou nesta última semana uma postagem listando os aeroportos mais movimentados do Brasil, em quantidade de movimentos aéreos (pousos e decolagens).

Os dados são fornecidos pelo órgão, que é responsável pela normatização do tráfego aéreo no Brasil. Você também poderá encontrar essas informações no Anuário Estatístico de Tráfego Aéreo (Ref 2017).

Todos os dados abaixo são referentes aos 12 meses e 365 dias de 2017, contemplando um resultado anual.

Então vamos ver quais são os aeroportos mais movimentados?

 

1 – Aeroporto Internacional de Guarulhos (SP)

Foto – GRUAirport/Juvenal Pereira

Faz anos que o Aeroporto de Guarulhos está em destaque como o mais movimentado do país, apesar da sua limitação de pista que restringe o número de pousos e decolagens. Só em 2017 o terminal (como um todo) movimentou quase 38 milhões de passageiros, resultando em 271.237 movimentos de pouso e decolagem do local.

O local tem três terminais, com capacidade para processar até 42 milhões de passageiros por ano. Boa parte do seu tráfego aéreo é composto por voos internacionais, sendo a principal porta de entrada no Brasil atualmente, também é o único que recebe diariamente o Airbus A380 fazendo voo regular internacional.


 

2 – Aeroporto de Congonhas (SP)

O Aeroporto de Congonhas ganhou destaque nos últimos anos, quando consegui ultrapassar o Aeroporto de Brasília e ganhou sua posição de segundo mais movimentado do país, apesar de só receber voos domésticos e ter uma clara limitação de pista.

Foram 223.989 movimentos de pouso e decolagem, além de receber quase 22 milhões de passageiros.

 

3 – Aeroporto Internacional de Brasília (DF)

O Aeroporto de Brasília se destaca como um imenso hub para o mercado doméstico, a partir dele podemos chegar em várias cidades do Brasil, incluindo muitas capitais. Em 2017 ficou como o terceiro mais movimentado, com 158.507 movimentos de pouso e decolagem e quase 17 milhões de passageiros transportados.

A perspectiva neste ano é de melhora, com novos voos internacionais e um reaquecimento do mercado doméstico de aviação.

 

4 – Aeroporto Internacional do Galeão (RJ)

O Aeroporto do Galeão se destaca pelos vários voos internacionais que recebe diariamente, sendo uma das principais portas de entrada do Brasil depois de Guarulhos.

Em 2017 foram 127.092 movimentos de pouso e decolagem, apesar dos 16 milhões de passageiros transportados. A diferença desse número para o Aeroporto de Brasília se deve justamente aos voos internacionais, que são realizados com aeronaves maiores e incrementam o número de passageiros no local, mas não exige uma quantidade maior de movimentos, enquanto o tráfego de Brasília é composto em maior parte por aeronaves como o Boeing 737 e o Airbus A320.

 

5 – Aeroporto Santos Dumont (RJ)

Foto – Infraero/Reprodução

O Santos Dumont só opera voos domésticos, e de curta distância, mas nem esse fato tirou a 5ª colocação do aeroporto, que registrou 118.149 movimentos em 2017 e recebeu 9,2 milhões de passageiros.

Em número de movimentos o aeroporto é recorde e garantiu a 5ª colocação nesse quesito, devido ao tráfego de aeronaves executivas de pequeno porte e aos pequenos aviões que operam no local. Mas em número de passageiros Santos Dumont fica em 7º no ranking nacional.

 

6 – Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas (SP)

Foto – Aeroporto de Viracopos/Divulgação

O Aeroporto de Viracopos é um grande Hub da Azul Linhas Aéreas, somente no ano passado eu desembarquei 4 vezes por lá, sendo que em duas eu segui para São Paulo.

A grande concentração de aeronaves garantiu o 6º lugar para Viracopos, que registrou 112.772 movimentos em 2017, além de transportar 9,3 milhões de passageiros no período.

 

7 – Aeroporto Internacional de Confins, na região metropolitana de Belo Horizonte (MG)

Foto – BH Airport/Divulgação

O Aeroporto de Confins foi bastante reformulado depois que a iniciativa privada assumiu o local, e ganhou ainda mais infraestrutura para receber 100.593 pousos e decolagens em 2017, além de transportar 10,1 milhões de passageiros.

Em número de passageiros transportados o local é o 5º colocado no país, à frente do SDU (Santos Dumont) e Viracopos, apesar de ter um movimento menor de aeronaves, mesmo efeito encontrado no Aeroporto do Galeão.

 

Via – DECEA