Foto - Reprodução

A Comissão de Turismo da Câmara dos Deputados discute na próxima quarta-feira (1º) os planos de investimentos dos aeroportos arrematados do bloco Nordeste.

O deputado Felipe Carreras (PSB-PE), que sugeriu a realização da audiência, afirma que o resultado do leilão de 12 aeroportos, promovido em março, superou a outorga estipulada pela gestão que era de R$ 2,1 bilhões.

“O ágio foi de 986% e ao todo R$ 2,38 bilhões foram arrecadados na operação. O certame mostrou o apetite internacional no programa de privatizações do Planalto, uma das apostas para a recuperação da economia”, afirma Carreras.

Segundo o deputado, os estrangeiros foram as “estrelas” do leilão. “A estatal espanhola Aena venceu a disputa para administrar seis aeroportos no Nordeste, considerado o lote mais atrativo.”

Carreras afirma que a Aena pagará ao governo brasileiro R$ 1,9 bilhão pelo direito de explorar essas seis instalações durante os próximos 30 anos. “É o maior investimento já feito pela Aena fora da Espanha, e a primeira vez que administrará sozinha um aeroporto no exterior.”

Além do diretor-presidente da Aena, Santiago Yus, foram convidados para explicar os planos de investimento para a comissão:
– o diretor de Políticas Regulatórias da Secretaria Nacional da Aviação Civil do Ministério da Infraestrutura, Ricardo Sampaio da Silva Fonseca;
– o diretor-presidente da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), Juliano Alcântara Noman;
– o secretário de Desenvolvimento Econômico de Pernambuco, Geraldo Julio; e
– representantes das companhias aéreas Azul, Gol e Latam.

 

Fonte: Agência Câmara de Notícias

DEIXE UMA RESPOSTA