Mais uma companhia aérea deixará de realizar voos com o Boeing 747 em 2019, hoje (03/11) temos marcado o encerramento das operações da EL AL com o Boeing 747-400 da companhia, realizando o voo LY1747 de Roma (Aeroporto Internacional Leonardo da Vinci), na Itália, para Tel Aviv, em Israel.

A aeronave de matrícula 4X-ELC que foi direcionada vai operar esse voo deve pousar em algumas horas, e encerrará uma história de 48 anos da EL AL operando com o Jumbo.

Clique Aqui para ver o Boeing 747 desenhado por esse último Jumbo da EL AL, no voo comercial de encerramento das operações.

Via – FlightRadar 24

O Boeing 747 da EL AL é equipado com 405 assentos em três classes, sendo 8 assentos na First, 41 na Business e 34 na Premium Economy, além da tradicional Economy.

O avião que substitui essa aeronave, o 787-9, é configurado com 282 assentos, sem a presença da Primeira Classe, então temos 32 assentos na Business, 28 na Premium Economy e 222 na Economy.

A oferta de assentos é bem menor, mas a aeronave compensa pela maior economia de combustível, que pode chegar a 47% em comparação com o Boeing 747-400, enquanto oferece uma autonomia de voo equivalente.

Ao longo dos anos a EL AL já operou com 29 aviões do modelo 747, desde a primeira versão a companhia optou por essas aeronaves. Do modelo 747-400 a EL AL teve em sua frota 9 aeronaves, contabilizando as 3 restantes.

São 25 anos operando com aviões 747-400, e 11000 horas de voo no total.

 

Batismo da aeronave na chegada em Tel Aviv (vídeo por @whereisyoni) :

DEIXE UMA RESPOSTA