Foto - Divulgação

A Emirates anunciou hoje sua ajuda para recuperação dos incêndios na Austrália. A companhia aérea doará 10% de todas as vendas do EmiratesRED em todos os voos de 17 de janeiro a 16 de fevereiro de 2020 e fará a equiparação dólar por dólar. Os fundos coletados serão destinados ao trabalho de recuperação e reconstrução realizado nas comunidades afetadas em toda a Austrália.

“Estamos muito tristes com os incêndios florestais na Austrália e o impacto para famílias, comunidades, vida selvagem e empresas de todo o país. A região está recebendo um grande apoio do mundo inteiro, inclusive dos Emirados Árabes Unidos. Na Emirates, gostaríamos de fazer a nossa parte, não apenas com recursos financeiros, mas também usando o nosso alcance global para ajudar a reforçar a conscientização e o apoio às doações para o trabalho de recuperação e reconstrução”, disse Sir Tim Clark, Presidente da Emirates Airline.

“A Emirates continua comprometida com a Austrália e a sua população, que nos recebem em sua região há mais de 20 anos. Desta forma, trabalharemos com organizações relevantes doando fundos que serão direcionados para quem mais precisa. A Emirates também deixou de cobrar as taxas de mudança de voo de pessoas afetadas pelos incêndios, pois sabemos que tiveram um grande impacto em suas vidas.”

A companhia aérea também oferece apoio aos seus funcionários, que incluem mais de 1.000 australianos, por meio de iniciativas de levantamento de fundos lideradas pelos próprios funcionários para contribuir com o trabalho de ajuda e recuperação dos incêndios florestais.

A Emirates fechou a sua propriedade Emirates One&Only Wolgan Valley localizada em Greater Blue Mountains, na Austrália, com evacuação de todos os hóspedes, funcionários e animais do resort para garantir a segurança. “A segurança é o aspecto de maior importância para nós, seja a bordo ou no solo; por isso, tomamos a decisão de fechar o Emirates One&Only Wolgan Valley até segunda ordem. Levamos essa situação a sério e acompanhamos de perto o desenrolar dos fatos”, acrescentou Sir Tim.

A Emirates tem fortes laços com a Austrália, mantendo vários patrocínios na Austrália que desempenham papéis importantes na cultura e na sociedade, inclusive sendo Parceiro Associado do Australian Open Tennis, bem como Principal Parceiro do Festival de Adelaide.

A companhia aérea também tem parcerias com vários fornecedores locais, incluindo Yarra Valley Dairy, Brasserie Bread e várias vinícolas em toda a Austrália, cujos produtos são servidos a bordo de suas aeronaves globalmente.


A Emirates opera 77 voos por semana para a Austrália, incluindo Sydney, Melbourne, Brisbane, Perth e Adelaide, com voos diários realizados pela aeronave A380 para destinos australianos seletos.

Além da captação de recursos, a Emirates deixou de cobrar as taxas de mudança de voo das pessoas afetadas pelos incêndios em todo o país. A isenção será aplicada a todos os residentes em voos para/da Austrália. As pessoas afetadas pelos incêndios que desejam obter mais informações sobre como alterar suas reservas na Emirates devem visitar o site da Emirates ou entrar em contato.

O icônico Burj Khalifa, em Dubai, o edifício mais alto do mundo, ficou iluminado na quarta-feira à noite, em uma demonstração do apoio dos Emirados Árabes Unidos à Austrália após os recentes incêndios florestais. Para obter mais informações sobre as várias iniciativas nos Emirados Árabes Unidos, consulte a hashtag da campanha #MatesHelpMates nas redes sociais.

Para doar e ajudar o trabalho de recuperação dos incêndios florestais na Austrália, visite:
http://www.redcross.org.au/campaigns/disaster-relief-and-recovery-donate.

 

DEIXE UMA RESPOSTA