Foto: British Army

O Exército britânico completou o primeiro exercício no Ártico envolvendo os helicópteros de ataque Boeing/Whestland AH-1 Apache.

O exercício durou seis semanas e aconteceu em Bardufoss, na Noruega, no treinamento tiveram também a participação de aeronaves Leonardo AW159 Wildcat e do 847 da Royal Navy que participou em conjunto com o exército britânico.

Toda uma operação foi montada para que a operação nomeada de ‘Clockwork’ acontecesse, além das aeronaves envolvidas 75 militares estão envolvidos no treinamento.

AH-1 Apache do exército britânico durante os trenos no rigoroso inverno. Foto: British Army

O exercício foi crucial para que se pudesse operar os AH-1 Apache em uma região com um clima totalmente adverso, com temperaturas chegando até a -28°C, com muita neve densa.

Segundo o Maj. Huk Raikes, Comandante da ala aérea 656 do Exército Britânico, eles trabalharam os limites do desempenho humano nas aeronaves. O Major ainda disse que o treino foi uma “resposta fria da OTAN na Noruega”.