FAB transporta profissionais de saúde para comunidades indígenas

A Força Aérea Brasileira (FAB) mantém o apoio no Transporte Aéreo Logístico de materiais e de profissionais de saúde para comunidades indígenas do estado de Roraima.

Uma aeronave C-105 Amazonas pertencente ao Primeiro Esquadrão do Nono Grupo de Aviação (1º/9º GAV) – Esquadrão Arara, iniciou o transporte de materiais de saúde na segunda-feira, 29 de junho, de Manaus (AM) para Boa Vista (RR), levando Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) e medicamentos que foram usados nos atendimentos das comunidades indígenas.

Na terça-feira, 30 de junho, o FAB 2809 decolou de Boa Vista para a comunidade de Auaris, no município de Amajari, localizada no extremo norte do Brasil, próximo à fronteira com a Venezuela.

Na quarta-feira, (1°/07), o destino da aeronave foi a aldeia de Surucucu, no município de Alto Alegre. Profissionais de imprensa, nacional e estrangeira, também acompanharam esta ação interministerial de apoio aos indígenas.

A missão faz parte da Operação COVID-19, deflagrada pelo Ministério da Defesa em coordenação com o Ministério da Saúde.

A Tenente Médica Fernanda Ribeiro, do efetivo do Hospital de Força Aérea de São Paulo (HFASP), é uma das profissionais de saúde que realizou atendimento aos indígenas.

“É muito importante ajudar quem necessita e principalmente aqueles que não têm acesso aos atendimentos especializados. A troca de experiências entre os profissionais de saúde das Forças Armadas está sendo um grande aprendizado”, relatou.


 

DEIXE UMA RESPOSTA