Drones da Arcturus UAV. Foto: Arcturus UAV.

A Aerovironment, fabricante de sistemas aéreos não tripulados (UAS) e líder no fornecimento de drones para o Exército dos EUA, comprou a sua concorrente Arcturus UAV em um negócio estimado em US$ 405 milhões. 

Atualmente, a Arcturus UAV está concorrendo em um contrato de US$ 1 bilhão do Exército dos EUA para o fornecimento de drones novos para substituir o RQ-7 Shadow, em serviço com o Exército desde 2002. A Arcturus concorre com seu drone Jump contra a Northrop Grumman – Martin UAV, L3Harris e Textron. Logo, a venda da firma criada na Califórnia vem em hora oportuna. 

A Arcturus já forneceu drones para o Comando de Operações Especiais dos EUA nos programas MEUAS III e IV, de US$ 1,4 bilhões de dólares. Segundo especialistas, a Aerovironment e a Arcturus tem produtos que, se combinados, podem gerar sistemas atrativos no futuro. 

Militar do Exército dos EUA dando partida em um drone Jump 20 da Arcturus. Foto: Exército dos EUA.

O contrato de aquisição da Arcturus visa cobrir um gap de mercado da Aerovironment, que quer produzir drones de Grupo 2 e Grupo 3, fabricados pela Arcturus. A compra da Arcturus por uma companhia maior também aumenta sua capacidade fabril, o que lhe dá maior competitividade nas licitações do Exército dos EUA. 

“Estamos entusiasmados com as oportunidades de criação de valor através da aquisição da Arcturus UAV, que nos permitirá acelerar nossa estratégia de crescimento e expandir nosso alcance nos segmentos mais valiosos do Grupo 2 e 3 de UAS”, disse Wahid Nawabi, presidente e CEO da AeroVironment.

Via Defense News

 

DEIXE UMA RESPOSTA