Quando se fala em Airshows logo se vem à mente muitos aviões, acrobacias de tirar o fôlego e uma massa de pessoas que são apaixonadas pelos mais variados modelos de aeronaves.

No entanto, nos shows aéreos existe uma classe da aviação que chama bastante a atenção, a começar pelo som. Trata-se da aviação militar, especialmente os caças dos mais variados países e modelos.

No mundo existem vários Airshow com presença da aviação militar, entre eles a FIDAE, em Santiago, no Chile, e Oshkosh, no EUA.

A chance de ficar pertinho dos aviões militares.

Contudo, quando se fala de aviação militar um lugar não passa esquecido na mente de spotters e amantes da aviação. Estamos falando da RIAT (Royal International Air Tattoo), que acontece na base aérea de Fairford, no Reino Unido.

No próximo ano este maravilhoso evento deve completar 50 anos de existência.

RIAT 2019- Foto: RIAT

Nesta base os caças dos mais variados modelos e nações se juntam para três dias de muitas manobras, barulho e claro, adrenalina.

Se formos citar alguns exemplos de caças temos desde as esquadrilhas de cada força aérea, como os donos da casa, os Red Arrows, passando pelos italiano da Frecce Tricolori, ou a suíça Patrouille Suisse.


No entanto, existem apresentações solo de caças e demais aeronaves e aí a lista aumentada bastante, como exemplo podemos citar o F-22, F-35, F-16, F-18, Eurofighter, Rafale, Gripen e até os caças de fabricação russa, como o MiG 21, MiG 29 e SU-27.

Mas como foi dito existem outras aeronaves envolvidas e aí entram outros clássicos que também são grandes. Exemplos? Temos sim, B-2 Spirit, KC-10, KC-135, B-52, C-17, KC-390 e por aí vai.

 

Tradição

Mas não é de hoje que a RIAT reúne muitos aviões e um público fiel. Este que é considerado o principal Airshow de aeronaves militares do mundo vai completar em 2021 50 anos e sua história começa em 1971, na cidade de North Weald, no Reino Unido.

Em 1974 foi a vez da base aérea de Greenham receber o Airshow. Neste ano mais aeronaves participaram e durante estes ano o Airshow recebeu o nome de International Air Tattoo (IAT). Na base de Greenham o IAT aconteceu até 1985, quando novamente o local do show aéreo foi mudado.

Em 1985 o IAT chega a base de Fairford e até 1993 acontecia a cada dois anos. De 1994 até hoje o principal airshow de aeronaves militares acontece anualmente entre os meses de junho e julho.

Base aérea da RAF de Fairford- Imagem Google

Em 1996 aconteceu um fato importante, o IAT passou a se chamar RIAT, o (R) vem de Royal, uma vez que a Rainha concedeu este título a este importante evento.

A base aérea de Fairford onde acontece a RIAT fica localizada aproximadamente 136,9 km da capital Londres, e mesmo com toda essa distância, fica lotada de visitantes em todos os anos de evento.

 

Presença Brasileira na RIAT

O nosso país já teve participações na RIAT, como exemplo podemos citar a nossa gloriosa Esquadrilha da Fumaça que foi até a base de Fairdford com seus T-27 Tucano, em 2008.

Outra presença brasileira de destaque foi a participação do avião de transporte logístico KC-390, no ano de 2018. A exposição da aeronave foi patrocinada pela Embraer, que deseja obter mais vendas para seu mais novo avião de transporte militar.

 

A RIAT com certeza trás boas lembranças e imagens maravilhosas. Não poderia faltar esse detalhe na matéria, por isso separamos uma galeria especial para nossos seguidores, com fotos da Gisele Orquídea, tiradas na RIAT de 2018 e 2019.

Boeing 747-400 da British Airways voando com os Red Arrows

 

Vídeo:

 

Para saber sobre a edição 2021 da RIAT, como compra de ingressos, data do evento e mais informações, acesse o site oficial do Airshow.

 

Este não é um artigo publieditorial ou patrocinado.

 

Texto: André Magalhães

Fotos e produção: Gisele Orquídea

 

DEIXE UMA RESPOSTA