Greve na Germanwings acaba afetando e cancelando voos da Eurowings

A Eurowings deve enfrentar uma dura greve de três dias, a partir desta segunda-feira (30/12), devido a um problema não originário na companhia, que pode cancelar pelo menos 170 voos até quarta.

Isso ocorrerá devido aos 30 aviões da frota da Eurowings, que são arrendados em regime de wet-leasing (com tripulação e mecânicos) da Germanwings, que é justamente a companhia que está enfrentando uma greve montada pelo sindicato de comissários de bordo.

Como os aviões são operados pela Germanwings, mas em voos da Eurowings, a companhia vai enfrentar uma greve indireta de comissários de bordo.

O compartilhamento de aeronaves entre as empresas ocorrer pois as duas são da Grupo Lufthansa, que também compartilha aviões com a Eurowings mutuamente.

A companhia Eurowings tem 140 aviões na sua frota, incluindo os 30 aviões arrendados da Germanwings, e planejava operar nos próximos dias mais de 1000 voos com essas aeronaves.

Os passageiros que embarcam na Alemanha podem optar por trocar seus bilhetes por viagens de trem pela Deutsche Bahn, é só entrar em contato com a companhia ou acessar o sistema da mesma.