Hawaiian muda local de estocagem de suas aeronaves devido a furacão nas ilhas

Foto: Hawaiian

A Hawaiian Airlines precisou realocar suas aeronaves que estavam estocadas devido ao furacão que passa pelas ilhas. O furacão Douglas classificado como categoria dois, está causando graves danos as cidades das ilhas do Havaí por onde passa.

Com ventos de mais de 150 km/h, o furacão Douglas está atravessando o Oceano Pacifico e está fazendo com que tempestades cheguem com força. O Centro Nacional de Furacões do Havaí, fez previsão para ventos muito fortes e tempestades capazes de causar inundação na cidade.

Nas últimas horas o furacão tem mudado sua trajetória e fazendo apenas contornos da ilha. Mesmo com o risco tendo diminuído, a empresa decidiu levar suas aeronaves para um local mais seguro. 

https://twitter.com/HawaiiAviation/status/1287285994916417537?ref_src=twsrc%5Etfw%7Ctwcamp%5Etweetembed%7Ctwterm%5E1287285994916417537%7Ctwgr%5E&ref_url=https%3A%2F%2Fsimpleflying.com%2Fhawaiian-airlines-evacuates-fleet-from-hurricane%2F

Aeronaves Airbus vão para o continente americano

A companhia aérea utiliza dois modelos da Airbus, sendo o A321 e o A330 cuja os mesmos operam voos para o Havaí e rotas internacionais da empresa. Devido a sua capacidade operacional de realizar um voo até os EUA, a empresa decidiu por enviar essas aeronaves e espalhar elas por alguns Aeroportos americanos.

Os Airbus A330 estão divididos em Los Angeles, Portland, Oakland e San Francisco além de alguns terem ficado em Honululu dentro de hangares para garantir a segurança. Segundo o vice-presidente da empresa, os hangares poderão receber ventos de até 200 km/h garantindo assim a segurança das aeronaves.

Os A321 estão armazenados em Portland e Oakland além de alguns em Sacramento. Pelo menos duas aeronaves podem também estar nos hangares de Honululu junto com os A330.


 

Boeing 717

Companhias aéreas havaianas
Foto: Hawaiian

A Hawaiian também possui uma frota de 18 modelos Boeing 717 que ficam responsáveis pelos voos curtos e domésticos pela ilha. Por serem aeronaves menores e com a autonomia menor, seria inviável mandar essas aeronaves para os EUA tendo a necessidade de realizar escalas ao longo do trajeto. 

A empresa decidiu então enviar as aeronaves para Kona para estarem seguras durante a passagem do furacão Douglas. 

“Estávamos pensando em deixar nossa frota entre ilhas aqui em O’ahu, mas isso obviamente mudou, Kona parece ser a área mais protegida da tempestade. Kona tem grandes pistas, grandes pistas de táxi e pode conter muitos aviões, o que levou em consideração nossa decisão. ” Disse a empresa.

https://twitter.com/HawaiiAviation/status/1287286524531183618?ref_src=twsrc%5Etfw%7Ctwcamp%5Etweetembed%7Ctwterm%5E1287286524531183618%7Ctwgr%5E&ref_url=https%3A%2F%2Fsimpleflying.com%2Fhawaiian-airlines-evacuates-fleet-from-hurricane%2F

Por hora o furacão não passará mais no Havaí entretanto a posição da empresa por enquanto é aguardar que todas as chances de haver outra passagem sejam anuladas.

 

DEIXE UMA RESPOSTA