FTEJerez iberia
Foto: Divulgação

Muitas companhias europeias estão sentindo a falta de tripulantes no mercado, em um momento de expansão pós-covid. E a Iberia está propondo facilitar a formação de 20 pilotos para futuramente trabalharem na companhia aérea.

“Relançámos o nosso programa Iberia Cadetes porque continuamos a contar com os pilotos mais qualificados do setor; profissionais que nos permitirão entregar um serviço excepcional aos nossos clientes”, disse a companhia aérea.

As inscrições são válidas para cidadãos da União Europeia, ou que tenham permissão de moradia e trabalho, e a seleção é feita inicialmente online. Você pode fazer sua inscrição até o dia 03 de julho Clicando Aqui.

A seleção dos primeiros 20 cadetes ocorrerá durante os próximos 3 meses, com o primeiro lote de candidatos selecionados ingressando no programa de treinamento da FTE em outubro.

A formação do programa ‘Iberia Cadetes’ é realizada pela escola FTEJerez, logicamente situada em Jerez, sul da Espanha. O estilo de formação ATPL é intensivo, e 50% do custo é financiado pela companhia aérea, e o futuro piloto reembolsará o valor do empréstimo-estudantil da Iberia quando começar a ganhar um salário como Copiloto recém-formado.

Na Europa ter uma carteira ATPL, que permite pilotar aviões comerciais de grande porte, pode superar os 90 mil euros de custo total de formação, que varia de acordo com o país e o valor do combustível no mercado.