P.1HH HammerHead. Foto: Piaggio

A Itália decidiu por cancelar o pedido para o veículo aéreo não tripulado P.1HH HammerHead da Piaggio. O motivo do cancelamento dos pedidos está ligado diretamente à fabricante Piaggio, que será “salva” pelo governo italiano que encomendará mais unidades do Piaggio P.180s Avianti.

De acordo um uma declaração do Ministério da Defesa da Itália, “a relação à situação industrial que afeta empresa Piaggio Aerospace, o ministério continua a apoiar a criação de condições adequadas para uma solução mais duradoura que possa equilibrar melhor as necessidades do instrumento militar e o valor estratégico da empresa”. 

A ideia do governo italiano era adquirir oito drones P.1HH, isso em por um valor de 250 milhões de euros. Pelo o que parece, adquirir mais aeronaves P.180 Avianti seria uma solução melhor para a fabricante italiana.

A Itália seria o país que ajudaria a Piaggio a lançar o drone P.1HH, em fevereiro de 2015. Durante a feira aeronáutica IDEX, em Abu Dhabi, também foi apresentado um interesse por parte dos Emirados Árabes.

Em 2016 o único protótipo do P.1HH caiu, durante as fases de teste de voo, e a Piaggio optou por paralisar o desenvolvimento do drone.