Foto: Boeing/Divulgação

O primeiro KC-46A Pegasus da Força Aérea de Autodefesa do Japão (JASDF) realizou recentemente suas primeiras operações de reabastecimento em voo. Nos céus de Washington, o avião-tanque baseado no 767 recebeu e transferiu combustível para outro KC-46A. 

O Japão é o primeiro cliente de exportação do novo reabastecedor dos EUA, tendo adquirido quatro aeronaves. O país deve receber seu primeiro KC-46 ainda este ano. 

“O reabastecimento com o primeiro KC-46A japonês é um marco importante para a Força Aérea de Autodefesa do Japão”, disse Jamie Burgess, gerente do programa KC-46. “O KC-46A é a aeronave de reabastecimento aéreo mais avançada do mundo e já transferiu mais de 42 milhões de galões de combustível para outras aeronaves em todo o mundo por meio de seus sistemas de lança e cesto.”

“O reabastecimento de última geração torna o KC-46A um destaque, mas este avião-tanque vai muito além disso”, disse Will Shaffer, presidente da Boeing Japan. “A capacidade de transportar cargas e passageiros, mantendo a consciência situacional tática torna a aeronave uma ferramenta crítica na aliança de segurança entre os EUA e o Japão.”

A Força Aérea dos EUA concedeu à Boeing um contrato para o primeiro KC-46A da JASDF em dezembro de 2017. O acordo foi concluído por meio do processo de Vendas Militares Estrangeiras entre o governo dos EUA e o Japão. O segundo KC-46 do Japão já está em produção. A aeronave será capaz de reabastecer aviões da USAF, USN, USMC e da própria JASDF, destaca a fabricante. 

A Boeing está montando o KC-46A para a Força Aérea dos Estados Unidos e para o Japão em sua linha de produção do 767 em Everett, Washington. Os parceiros japoneses da Boeing produzem 16% da estrutura da fuselagem KC-46A.

DEIXE UMA RESPOSTA