Divulgação.

A Textron Aviation anunciou nesta quarta-feira (28) a certificação da ANAC (Agência Nacional de Aviação Civil) para seus dois novos turboélices, King Air 360/360ER e o King Air 260. Com isso, as primeiras entregas acontecerão ainda neste trimestre.

O Brasil é o segundo maior mercado da linha King Air, atrás apenas dos Estados Unidos, com uma frota ativa de mais de 500 máquinas. A aeronave é uma escolha popular entre os clientes das grandes cidades que precisam se conectar com as fazendas ou fábricas em áreas remotas no interior do país ou para aqueles que fazem viagens internacionais ou locais durante seus períodos de férias.

“O King Air pode operar em diversos tipos de ambientes, desde grandes aeroportos até pequenas e não pavimentadas por isso essas aeronaves são tão populares na América Latina”, disse Marcelo Moreira, vice-presidente de vendas da América Latina da Textron.

“A excelente reputação e robustez do modelo, combinadas com eficiência e tecnologia avançada no cockpit e na cabine, garantem que os novos modelos sejam capazes de atender praticamente todas as necessidades dos proprietários”, explica Moreira.

No Brasil, tanto o King Air 360 quanto o King Air 260 já despertam o interesse dos clientes. “Os Kings representam 48% das nossas vendas entre aviões novos e usados, por serem essenciais, sobretudo para o setor de agronegócio, devido a sua capacidade de transportar muita carga, versatilidade e o fato de decolar e pousar em pistas curtas e não pavimentadas”, revela Leonardo Fiuza, presidente da TAM Aviação Executiva, representante exclusiva da Textron no Brasil. 

Imagem: Divulgação.

Sobre o King Air 360 e 260

O King Air 360/360ER e o 260 representam a nova geração da lendária família de turboélices King Air, desenvolvidos com base em sua reputação de versatilidade e confiabilidade. As aeronaves oferecem os mais recentes avanços tecnológicos na cabine, além de proporcionar conforto adicional à experiência do passageiro.

O turboélice King Air 360/360ER traz o Autothrottle de série, que gerencia automaticamente a potência do motor na decolagem, cruzeiro, descida e pouso, com monitoramento de parâmetros como rotação, torque e temperatura, o que faz com que os pilotos tenham mais segurança durante o voo.

Outra atualização importante no cockpit é o novo sistema de pressurização digital, que ajusta automaticamente a pressão da cabine durante a subida e descida, reduzindo a carga de trabalho dos pilotos. A aeronave também tem uma altitude de cabine mais baixa, no teto operacional de 35.000 pés, proporcionando maior conforto para os passageiros, especialmente durante voos longos.

A cabine do King Air 360 oferece armários, divisórias e bordas laterais feitas por artesãos e acabamentos de alta qualidade, juntamente com seis novas opções de interiores. Outras comodidades que são padrão em toda a linha King Air incluem mesas de trabalho extensíveis, tomadas de energia, estações de carregamento USB e um lavatório traseiro privado.

O King Air 260 também é equipado com o Autothrottle de série e com o sistema de pressurização digital da cabine. A aeronave também conta com o radar meteorológico Collins Multi-Scan RTA-4112, fornecendo aos pilotos um sistema totalmente automático, otimizado para detectar condições meteorológicas de curto, médio e longo alcances.

Os novos turboélices King Air foram lançados no ano passado. O Beechcraft King Air 360/360ER obteve a certificação da Federal Aviation Administration (FAA) em outubro, e o King Air 260, em março deste ano.

Aproximadamente 7.600 aeronaves King Air foram entregues desde 1964. Trata-se do maior sucesso de vendas de uma família de turboélice no mundo. Sua frota mundial ultrapassou 62 milhões de horas de voo em seus 57 anos, cumprindo todas as suas missões, desde aquelas voltadas às forças públicas até as missões comerciais por todo mundo.

Via Tam Aviação Executiva