LATAM
Foto: André Magalhães

A LATAM declarou que concluiu o projeto de rebranding de toda sua frota brasileira – composta por 109 aeronaves dos modelos Airbus A319, A320 e A321 – com a pintura da marca e identidade definidas pelo grupo após fusão entre LAN e TAM em 2012.

O rebranding da frota foi executado no LATAM MRO (sigla para Maintenance, Repair and Overhaul; ou Manutenção, Reparo e Revisão Geral), a unidade de manutenção do Grupo LATAM localizada em São Carlos, interior de São Paulo.

Ao todo, 48 profissionais trabalharam de forma eficiente por mais de 1.500 horas, cada um, no LATAM MRO, já reconhecido pela excelência dos serviços prestados na consolidação de outros importantes projetos como o de reconfiguração e modernização dos interiores das cabines de aeronaves LATAM, o chamado retrofit.

“A pintura dos aviões foi mais um dos projetos da LATAM que tivemos que repensar e buscar ter o melhor aproveitamento diante do cenário da pandemia. Assim como muitos que estavam em andamento, tivemos que interromper e depois retomar, quando vimos que as coisas estavam melhorando e havia uma oportunidade única ao ter vários aviões fora de operação. Agora, poder ver esse projeto tão significativo concluído, ainda mais no cenário de retomada, sem dúvidas, é uma grande conquista para nós!”, afirma Alexandre Peronti, diretor de Manutenção da companhia no Brasil.

O projeto de rebranding da marca também envolve mais 9 aeronaves que operam no Chile, Colômbia e no Peru. A pintura das aeronaves dessas afiliadas também será realizada pelos profissionais do LATAM MRO, em São Carlos. A previsão é de atualizar a frota desses países até o final de janeiro de 2022.

Questionamos a LATAM Brasil sobre alguns aviões que operam voos domésticos ainda estarem nas cores da TAM. A companhia disse que “essas aeronaves serão retiradas da frota ao longo de 2022”. São 109 aeronaves da família Airbus A320 que ficarão na frota da LATAM Brasil.

Ainda é possível achar aviões Boeing 767-300ER nas cores da TAM. Porém, estes serão convertidos para cargueiros em breve.

 

Eficiência para concluir a pintura das aeronaves

Foto – LATAM/Divulgação

Foi em 2016 que a companhia deu início ao projeto de pintura da marca LATAM em todas as suas aeronaves. Em busca de otimizar os custos e manter a qualidade, a companhia optou pela pintura parcial das aeronaves em outubro de 2020. Para isso, foi utilizada uma técnica que consiste em aplicar a nova imagem e as cores principais. 

Dividido em quatro etapas, o projeto da pintura parcial tem início com a aplicação de removedor de tinta somente na cauda da aeronave para retirar a antiga logo.

Na segunda fase, uma lixadeira entra em cena para retirar as cores da fuselagem e da asa.

Então, na terceira etapa, a pintura da nova marca é desenhada no avião e, na última fase, ocorre a aplicação verniz para garantir brilho, durabilidade e evitar atrito do ar. 

Pintura o primeiro avião da LATAM – Boeing 767Esse foi o processo de pintura do primeiro avião da LATAM Airlines… Um maravilhoso Boeing 767 recebendo as cores da própria companhia aérea!

Vídeo – LATAM Airlines

Curta>>>>> Aeroflap
www.aeroflap.com.br

Pubblicato da Aeroflap su Giovedì 28 aprile 2016

Todo o processo de pintura parcial adotado pela equipe do LATAM MRO, em São Carlos, permite economia de 47% no uso de tinta e de tempo na execução do projeto, quando comparado à pintura total. Com o andamento do projeto, a companhia também aproveitou para incluir pela primeira vez a pintura da marca LATAM na barriga das aeronaves.

Para tornar o projeto possível, profissionais de diversas áreas do LATAM MRO, incluindo técnicos de manutenção e de pintura, ficaram cinco dias dedicados à atualização de cada aeronave.

Foram, ao todo, 1.240 horas de cada profissional dedicadas à pintura total e 560 horas de cada profissional dedicadas à pintura parcial. Cerca de 500 litros de tinta e 120 litros de verniz foram usados para todo o projeto.

Vale ressaltar que na época, a LATAM disse que utilizaria uma nova tecnologia na pintura das suas aeronaves, reduzindo em aproximadamente 20 kg o peso total quando a pintura completa é realizada. Você pode ver mais sobre esse assunto Clicando Aqui.

 

Criação da marca LATAM

Todo processo de criação da marca LATAM se deu após a conclusão da fusão entre LAN e TAM, em 2012. A nova marca foi apresentada mundialmente em 2015, para reunir todas as afiliadas de passageiros e de carga que integram o Grupo LATAM. Em 2016, a LATAM estreou a sua nova marca nova marca global nos seus aviões, uniformes e aeroportos.

PT-TME foi o primeiro narrowbody da LATAM Brasil que apareceu com as novas cores, em maio de 2016.

A identidade visual foi criada para expressar o espírito latino-americano e os valores da LATAM. Foram escolhidas como cores principais o índigo e o coral. No índigo, a representação da eficiência e a elegância; no coral, a ideia de espelhar todo o lado caloroso, apaixonado, focado em pessoas.

Para a elaboração da nova logomarca, dois pilares essenciais: uma marca genuinamente latino-americana e a ideia de expansão. Além da busca por um resultado visual capaz de expressar o movimento da LATAM pelo mundo.

A identidade LATAM visível de forma ampla em aeroportos e aeronaves é um dos pontos mais importantes para a consolidação da nossa marca. Por isso, a conclusão da renovação da pintura das aeronaves se faz ainda mais relevante na nossa relação com os clientes”, destaca Diogo Elias, diretor de Vendas e Marketing da filial brasileira.

Tripulação do voo inaugural da LATAM no mercado doméstico

DEIXE UMA RESPOSTA