LATAM
Aeronaves da LATAM na área remota do Aeroporto de Congonhas.

Cerca de 32 aviões serão retirados da frota do Grupo LATAM, após a companhia aérea negociar vários contratos de leasing com empresas que arrendam aeronaves.

A companhia já tinha divulgado anteriormente que planejava devolver aviões, cerca de 31 deles.

De acordo com a LATAM, anteriormente a companhia operava com 340 aviões. No entanto a aérea devolveu até o momento 23 aviões, e está em processo para devolver mais 9 aeronaves.

Na LATAM Brasil, a companhia confirmou ao Portal Aeroflap anteriormente que deverá devolver inicialmente 13 aeronaves. São 11 aviões da família Airbus A320, e mais dois do modelo A350XWB, também fabricados pela Airbus.

No âmbito do Chapter 11, o Grupo ainda está negociando com as empresas de leasing a permanência de 129 aviões na sua frota. As outras aeronaves são da própria LATAM.

O foco é pagar um leasing de forma não mensal, mas por hora de uso da aeronave. As empresas de leasing por sua vez estão aceitando aos poucos esse tipo de acordo.