LATAM Boeing 767 Vacinas
Foto: Myke Sena / Divulgação

A LATAM Airlines foi a companhia aérea responsável por realizar o transporte do primeiro lote de vacinas da Pfizer que serão aplicadas em crianças de 5 a 11 anos. Essa primeira remessa de imunizantes é composta por 1,2 milhão de doses.

Um Boeing 767-300F de matrícula N534LA foi escalado para realizar a viagem de Amsterdam para o Campinas, realizando escala em Frankfurt e Espargos antes de chegar ao Aeroporto Internacional de Viracopos. A aeronave pousou às 04h37 (horário local).

A remessa com vacinas destinadas as crianças de 5 a 11 anos será levada para o centro de distribuição do Ministério da Saúde em Guarulhos. O desembarque e o transporte foi com auxilio da Receita Federal e também da Polícia Federal. Ao todo o país deverá receber 4,3 milhões de imunizantes até o final deste mês.

Chegada do primeiro lote de doses pediátricas de vacina Covid-19 Pfizer/BioNTech no Brasil, Campinas-SP, 13/01/2021, Foto: Myke Sena/MS

A LATAM já havia transportado diversas remessas de vacinas vindas de Amsterdam no início da campanha de vacinação no país. A companhia também auxiliou na distribuição das vacinas por diversos estados no Brasil através de seus voos regulares. 

A companhia aérea através do programa Avião Solidário LATAM, transportou para a América Latina mais de 200 milhões de imunizantes. 

LATAM Vacinas
Foto: LATAM/Divulgação

Além do transporte gratuito das vacinas, o Avião Solidário da LATAM já movimentou mais de 1.860 órgãos e tecidos na América do Sul, 3.323 profissionais de saúde para atendimento às necessidades urgentes da Covid-19, 657 pacientes com necessidades médicas urgentes, 17 transportes de células-tronco para pacientes com leucemia e mais de 1.100 toneladas de carga, incluindo suprimentos médicos e vacinas.

O programa Avião Solidário atua há mais de 10 anos em três frentes de atuação: saúde, meio ambiente e desastres naturais. Recentemente, o programa anunciou novas alianças com organizações sociais e da sociedade civil no Brasil, Chile, Colômbia, Equador e Peru, colocando à disposição desses parceiros a expertise, infraestrutura, conectividade e agilidade no transporte aéreo por meio de passagens aéreas e transporte de cargas sem custo.

DEIXE UMA RESPOSTA