O presidente da Venezuela, Nicolas Maduro, decretou nesta última quinta-feira (21/02) o fechamento do Espaço Aéreo da Venezuela, somente para voos comerciais e executivos (aviação geral).

O anúncio foi realizado pelo Instituto Nacional de Aeronáutica Civil (INAC) da Venezuela, nesta última sexta-feira o espaço aéreo estava completamente vazio, com poucos tráfegos na região costeira do país, onde se localiza outros países.

A Air France lançou uma nota cancelando todos os voos para Caracas que seriam operados nos dias 23, 24 e 25 de fevereiro. Muitos voos que partem de outros países e que deveriam passar pela Venezuela estão sendo desviados.

Possivelmente esse fechamento é um outro posicionamento de Maduro para evitar receber ajuda humanitária, através de voos comerciais e fretados. A fronteira do país com a Colômbia e o Brasil também foi fechada para evitar receber essas ajudas.