Mais um adeus: Hoje é o capítulo final dos “MadDogs” na Delta

Foto: Delta Airlines

Hoje marca o fim de uma era para a Delta Airlines, que se torna a última companhia aérea norte-americana a aposentar sua frota de aeronaves MD-88 e MD-90. Hoje a Delta operará os últimos voos para os dois tipos de aeronaves.

O voo DL 88 deve ser operado pelo N900DE, um MD-88 de 28 anos de idade, que foi entregue à Delta AirLines como novo em março de 1992. O voo foi programado para partir de Washington (IAD) às 08h15. Após uma curta viagem, pousou em Atlanta (ATL) às 10h00.

O DL 90 está programado para ser operado pelo N925DN. Este MD-90 é um pouco mais jovem e tem 21 anos de idade. Foi entregue à China Eastern Airlines em 1998 antes de ser transferido para a Delta há menos de dez anos, em julho de 2010. O DL 90 partiu de Houston (IAH) às 06h00. E chegou em Atlanta às 08h55.

Foto: Delta Airlines

Tendo servido a Delta por mais de três décadas, a frota de MD certamente acumulou algumas estatísticas impressionantes na companhia aérea. Nos últimos 33 anos, a Delta operou um total de 120 aeronaves MD-88 e 65 do modelo MD-90.

A aeronave era uma parte vital da frota da Delta, em 2014 era responsável por 900 dos 3.000 voos diários da companhia.

As aeronaves MD operaram mais de 600 rotas diferentes na América com a pintura Delta, transportando mais de 750 milhões de passageiros nos últimos 33 anos.

Mais de 9000 pilotos da Delta foram qualificados para pilotar as aeronaves MD-88 e MD-90.


 

DEIXE UMA RESPOSTA