Marca Adria Airways está a venda por US$ 12 mil

A Adria Airways deixou de operar voos desde o final de 2019, e muito provavelmente não sobreviveria a crise da Covid-19 na aviação. A companhia entrou em colapso financeiro antes mesmo de setembro de 2019, a Adria era companhia aérea de bandeira da Eslovênia.

Em uma tentativa de gerar dinheiro para pagar dívidas e funcionários, a empresa colocou a venda também a sua marca por um preço muito abaixo. O valor de US$ 12 mil, representa apenas 10% do que a marca valia há alguns meses. 

Juntamente com a marca, a empresa vendeu sua escola de aviação por cerca de € 7.500. O Certificado de Operador Aéreo também foi vendido no inicio do ano em um leilão por € 45.000. 

Um dos poucos executivos que restam na empresa, afirma que há o interesse em arrematar a marca da empresa na Ásia. Entretanto, ainda não havia um consenso de quanto seria pago pela marca Adria, que agora em sua terceira tentativa de venda está fixado em US$ 12 mil.

Desde a falência da empresa, a Eslovênia não possui uma grande empresa de aviação e isso impactou negativamente na economia local. No dia 3 de novembro por exemplo, não foi registado nenhuma operação de nenhum voo com destino ou partindo da Eslovênia.

O governo começou a traçar planos de lançar uma nova companhia aérea para ocupar a lacuna deixada pela Adria. O estado está buscando um parceiro privado para lançar a nova empresa, que teria um apoio financeiro dentro dos pacotes de ajuda da Covid-19 para o setor aéreo. Ainda não há previsão e nem qual seria a nova empresa estatal.

DEIXE UMA RESPOSTA