Caça Embarcado Avançado Multifuncional. Foto: Michael Jerdev.

A Mikoyan está trabalhando no projeto de um caça de quinta geração para operar a partir de porta-aviões, devendo apresentar um protótipo nos próximos anos. Uma versão de pouso e decolagem vertical também está sendo estudada.

“A empresa está trabalhando em um promissor caça de quinta geração baseado em porta-aviões, que será feito com tecnologias stealth. Agora que a fase de modelagem por computador está em andamento, os primeiros protótipos da aeronave devem ser lançados nos próximos anos”, disse uma fonte do complexo industrial-militar à agência russa RIA Novosti. 

A mesma fonte disse que o caça stealth atuará em conjunto com um drone de combate, também naval, com um peso superior a 10 toneladas. “O dispositivo deve ser usado em conjunto com um caça no âmbito do conceito de ‘loyal wingman’. Suas funções são reabastecimento ou ataques conjuntos.” 

UCAV Embarcado. Foto: Michael Jerdev.

O interlocutor esclareceu que o aparelho também utilizará os desenvolvimentos do drone Skat, um UCAV (aeronave de combate não-tripulada) que vem sendo desenvolvido pela MiG. O funcionário também afirmou que “no âmbito do projeto, também está sendo considerada a possibilidade de criar uma versão do caça com decolagem e pouso vertical”.

Durante o Salão MAKS 2021, que ocorreu entre os dias 20 e 25 deste mês, a MiG apresentou três maquetes de seus projetos futuros, sendo duas mostrando o caça e o drone naval. 

“Apresentação de direções promissoras para o desenvolvimento de complexos de aviação MiG”. Tradução: João Almeida. Foto: Michael Jerdev.
O caça deverá ter as mesmas dimensões do MiG-35 Fulcrum-F, uma das versões mais modernas do MiG-29. Tanto a Rússia quanto a Índia empregam o MiG-29K, variante naval do caça supracitado. O desenho do caça stealth apresenta uma configuração delta-canard, bimotor e um sensor similar ao EOTS do F-35 dos Estados Unidos.
 
O modelo do caça embarcado também lembra o MiG 1.44, um antigo projeto que começou ainda na década de 1980 mas que não foi para a frente por conta da queda da União Soviética e a subsequente crise econômica enfrentada pela Rússia. O único protótipo só fez seu primeiro voo em 2000 e hoje descansa em Zhukovsky com vários outros aviões de testes e ensaios, como o famoso Su-47 Berkut. 
 
Caça Embarcado Avançado Multifuncional. Foto: Michael Jerdev.

Além do caça stealth e do drone embarcado, a MiG também apresentou um modelo de um “Avião Leve Multifuncional”. A maquete do monomotor também apresentava caractéristicas de baixa observabilidade, como baias de armamentos na barriga e laterais da fuselage, além do sensor EOTS mencionado anteriormente. 

Avião Leve Multifuncional. Foto: Michael Jerdev.

DEIXE UMA RESPOSTA