Foto - Divulgação

O MUSAL (Museu Aeroespacial – FAB) deu início ao Projeto Quatro Setinho, que vai recuperar completamente um clássico caça P-47 Thunderbolt da Força Aérea Brasileira.

Atualmente o MUSAL só tem dois exemplares do P-47, esse citado é o P-47D Thunderbolt “B4”, matrícula FAB-4184, que foi entregue ao MUSAL em 1987 e pintado para representar o B4 do 2º Ten Luís Lopes Dornelles, que foi abatido e morto na Itália quando executava a 89ª missão em 11 de novembro de 1944.

O acervo do MUSAL possui dois P-47D Thunderbolts – “B4” e “D5”, que estão em bom estado de conservação mas sem condição de voo.

A primeira meta do MUSAL já foi atingida, que é arrecadar R$ 35000,00 como forma de possibilitar uma restauração completa do motor, incluindo a mão de obra de instalação, ferramental e combustível.

Agora uma segunda meta está sendo planejada nesta sexta-feira pelos envolvidos na restauração, mas aquele valor que ultrapassar os R$ 35000 será utilizado na mesma aeronave, como forma de restaurar sua pintura e dependendo até mesmo colocar o avião para voar.

Para realizar uma doação você pode entrar no link a seguir: benfeitoria.com/quatrosetinho

Vale ressaltar que a cada valor doado a pessoa recebe no final uma gratificação pela ajuda no projeto. A campanha vai até o dia 27 de janeiro.

 

O Republic P-47

O Thunderbolt foi o caça americano mais numeroso da História, com um total de 15.683 exemplares produzidos. A FAB recebeu 117 aeronaves P-47D e as operou entre 1944 e 1958, inclusive nas operações da Itália durante a Segunda Guerra Mundial.

 

A primeira meta possibilita o giro do motor. Confira mais sobre isso no vídeo abaixo: