NASA e SpaceX planejam lançar em dezembro nave Dragon com carga para a Estação Espacial

Foguete Falcon 9 tranportando uma Dragon- Foto: NASA

O provedor de carga comercial da NASA/SpaceX, tem como meta para o dia 5 de dezembro, o lançamento da 21ª missão de serviços comerciais de reabastecimento (CRS-21) para a Estação Espacial Internacional.

O lançamento vai acontecer a partir do Pad 39 do Centro Espacial Kennedy Space Centar, na Flórida.

 O CRS-21 (espaçonave Dragon) entregará investigações científicas, suprimentos e equipamentos para a NASA e é a primeira missão sob o segundo contrato de Serviços de Reabastecimento Comercial da empresa com a NASA. A cobertura ao vivo irá ao ar na NASA Television e no site da agência.

Estação espacial Internacional (ISS)- Foto: NASA

A espaçonave Dragon atualizada será preenchida com suprimentos e cargas úteis, incluindo materiais essenciais para apoiar diretamente dezenas das mais de 250 investigações científicas e de pesquisa que ocorrerão durante as Expedições 64 e 65. Além de trazer pesquisas para a estação, o tronco não pressurizado do Dragão irá transportar o Nanoracks Bishop Airlock . A primeira câmara de ar de estação espacial com financiamento comercial, a Bishop Airlock é um segmento hermético usado para a transferência de cargas úteis entre o interior e o exterior da estação. Ele fornece hospedagem de carga útil, teste de robótica e implantação de satélite, ao mesmo tempo que serve como uma caixa de ferramentas externa para astronautas conduzindo caminhadas espaciais.

Cerca de 12 minutos após o lançamento, a Dragon se separará do segundo estágio do foguete Falcon 9 e iniciará uma série cuidadosamente coreografada de disparos de propulsores para chegar à estação espacial. A chegada à estação espacial está planejada para domingo, 6 de dezembro. A Dragon irá atracar autonomamente no módulo Harmony da estação com os engenheiros de voo da Expedição 64 Kate Rubins e Victor Glover das operações de monitoramento da NASA.

Foguete Falcon 9 tranportando uma Dragon- Foto: NASA

A espaçonave Dragon vai passar cerca de um mês conectada à estação espacial antes de retornar à Terra com pesquisas e cargas de retorno, com respingos no Oceano Atlântico.  

 

Fonte: NASA


DEIXE UMA RESPOSTA