Novo painel interativo da CNT: setor aéreo teve queda de 30% no número de passageiros em 2020

A CNT (Confederação Nacional do Transporte) lançou, nesta terça-feira (9), mais uma ferramenta para consulta dinâmica de indicadores e análise de informações do setor transportador. Trata-se do Painel CNT do Transporte, disponível em cnt.org.br/painel- cnt -transporte .

O primeiro painel disponibilizado é do transporte aéreo de cargas e de passageiros. Nele, é possível fazer consultas de dados históricos da movimentação de passageiros e de cargas com diferentes filtros, como natureza de voo, origem, destino, nacionalidades das empresas, entre outros.

Os indicadores do Painel do Transporte – Aéreo permitem identificar, por exemplo, que, de janeiro a abril de 2020, o segmento – um dos mais afetados pela crise decorrente da pandemia do novo coronavírus – teve 27,7 milhões de passageiros transportados, o que representa uma queda de 30,4% na comparação com mesmo período de 2019.

Já as cargas pagas e correios transportados somaram 353 mil toneladas, o que significa uma redução de 16,7% em relação aos quatro primeiros meses do ano passado.

Considerando apenas o mês de abril de 2020, a queda no número de passageiros chegou a 95,2% e a de cargas pagas e correios foi de 48% – na comparação com abril de 2019.

O presidente da Confederação Nacional do Transporte, Vander Costa, explica que a ferramenta é mais uma aliada dos gestores do setor para a auxiliar na tomada de decisão, especialmente no atual momento.

“A CNT está comprometida em disponibilizar indicadores atualizados, consistentes e confiáveis, que possam ser consultados e analisados de forma ágil. Isso é essencial para o planejamento e a tomada de decisão com qualidade nas organizações”, destaca Vander Costa.


Além disso, o novo painel busca ampliar o conhecimento da sociedade sobre o setor, reunindo, em um único ambiente, números que permitem desde uma visão abrangente até recortes e cruzamentos para análises específicas e segmentadas.

Painéis de outros modais estão em fase de desenvolvimento e serão disponibilizados pela CNT.

 

Alguns números que podem ser extraídos do Painel CNT do Transporte – Aéreo

– Em 2019, por exemplo, dos voos internacionais que partiram do Distrito Federal, 40,1% tiveram como destinos os Estados Unidos; 20,7%, Portugal; e 16,9%, Argentina

– No ano passado, dos voos domésticos que saíram de Minas Gerais, 44,5% tiveram como destino São Paulo; 10,6%, Rio de Janeiro; e 9,5%, Bahia

– Em 2019, havia 22.219 aeronaves registradas entre experimentais, privadas, transporte público regular, taxi aéreos e outras.

 

DEIXE UMA RESPOSTA