Typhoon Kuwait itália
Foto: Alessandro Maggia via The Aviationist.

Um Major-General e um Coronel do Kuwait foram encaminhados ao promotor público por suspeita de corrupção na compra de 28 caças Eurofighter Typhoon, informou o órgão estatal anticorrupção na segunda-feira (24). 

“As investigações mostram que os réus cometeram várias violações que causaram sérios danos ao dinheiro público ao pagar contas inflacionárias ao fabricante que excederam o valor total acordado no contrato principal”, informou a Autoridade Anticorrupção do Kuwait (Nazaha) em comunicado.

Typhoon Kuwait
Os dois novos Typhoon da KAF em seu voo de traslado. Foto: Força Aérea Italiana.

A Nazaha acrescentou que o processo ocorreu sem prévia autorização das autoridades competentes dos Ministérios da Defesa e da Fazenda, e sem crédito documentário para essa troca, o que afetou o cronograma de pagamentos alocado ao referido contrato.

Continua depois do anúncio

Segundo o Arab News, as autoridades também agradeceram a um denunciante anônimo por ajudar o governo a obter informações sobre o uso indevido de fundos e disseram que os esforços para coletar e examinar evidências continuarão.

A companhia italiana Leonardo, que fabricou os caças, disse na terça-feira (25) que não é objeto da investigação judicial sobre corrupção. 

Foto: Força Aérea Italiana.

Em comunicado, a fabricante afirma que “nossa relação contratual com o Kuwait sempre se baseou nos princípios da máxima transparência e total equidade e é regulada por um contrato assinado como parte de uma relação mais ampla entre as instituições e a aeronáutica dos dois países. A Leonardo não tem evidências de problemas e todas as transações estão prontamente sujeitas a procedimentos e verificações de adequação.”

Continua depois do anúncio

Em 2016, o Governo do Kuwait assinou com a Leonardo (na época Finmeccanica) a compra de 28 caças Typhoon (22 monopostos e seis bipostos) por 8.7 bilhões de euros. O cronograma original ditava que as entregas começariam em 2019, mas o programa sofreu atrasos. Os dois primeiros caças foram entregues ao país no dia 08 de dezembro, chegando ao país no dia 14.

Eurofighter Typhoon Kuwait
Um dos dois primeiros caças Typhoon do Kuwait. Foto: Lukas Henrique.

A compra dos Typhoons é parte de uma grande renovação da aviação de caça kuwaitiana. Além dos jatos europeus, o Kuwait também adquiriu em 2018 outros 28 F/A-18E/F Super Hornet, por cerca de US$ 10 bilhões.

Continua depois do anúncio