Grupo LATAM
Foto: Gabriel Melo/Aeroflap

A LATAM deu início em janeiro deste ano no Brasil ao seu primeiro projeto de upcycling de uniformes usados, por meio da parceria com a Revoada, consultoria sediada em Porto Alegre (RS) e especializada em reutilização criativa (upcycling). A iniciativa, que começa com o reaproveitamento de 10 toneladas de uniformes usados, também está desempenhando papel importante para o empoderamento feminino, gerando renda para mulheres do interior do Rio Grande do Sul em situação de vulnerabilidade social.

Até o momento são 12 integrantes do Grupo Mulheres de Mãos Dadas, costureiras da periferia da cidade de Esteio, próxima a Porto Alegre, beneficiadas pelo projeto. Elas atuaram nas etapas de higienização e separação das peças, além da descaracterização dos uniformes. 

“Estamos muito felizes com esta parceria com a LATAM. O projeto de reinvenção dos uniformes está impactando positivamente o meio ambiente e a vida de muitas pessoas, sobretudo mulheres, que estão tendo a oportunidade de trabalhar no projeto e gerar renda para suas famílias. Acreditamos muito na inteligência sustentável e no poder do trabalho em rede, onde todos ganham e juntos solucionamos grandes desafios. A Revoada tem orgulho em fazer parte desta jornada da LATAM rumo à sustentabilidade e à economia circular”, destaca Itiana Pasetti, uma das sócias fundadoras da Revoada.

LATAM
Foto: LATAM

As peças descaracterizadas estão sendo doadas para entidades que geram impacto social e para cooperativas de costureiras e artesãs da localidade. A expectativa é que cerca de 100 moradoras da região que dependem da costura para ajudar na renda familiar sejam beneficiadas. Além da matéria-prima para upcycling, a LATAM encomendou a produção de 1 mil brindes corporativos para uso da própria companhia. O material será transformado em shoulder bags. As moradoras também receberam no mês de abril um workshop sobre reforma e upcycle ministrado pela equipe da Revoada, aprendendo novas técnicas para reinventar peças de roupas já existentes em novos produtos.

Com a parceria, cerca de outras 10 entidades que atendem homens e mulheres em situação de vulnerabilidade social estão recebendo roupas para uso durante o trabalho ou no dia a dia. 

Via: LATAM