PC-9 irlandês após o pouso. Foto: Damien Eagers/RTÉ News.

Um turboélice de treinamento Pilatus PC-9 do Corpo Aéreo Irlandês voltou planando para sua base após sofrer uma pane de motor durante um voo de treinamento. O incidente ocorreu no dia 26 de fevereiro. Ninguém ficou ferido. 

A aeronave estava a 30km do Aeródromo de Baldonnel, única base aérea do Corpo Aéreo Irlandês, quando sofreu perda de potência no motor. Os dois tripulantes, um cadete e um instrutor conseguiram levar o PC-9 de volta à base. 

Falando ao The Irish Times, uma fonte militar afirmou que os tripulantes estavam “levemente abalados.” No mesmo dia, o Corpo Aéreo Irlandês afirmou que já iniciou a investigação. 

A Irlanda tem oito aeronaves PC-9 em sua frota, que podem ser armados com casulos de foguete 70mm ou metralhadores FN M3P calibre .50. A aeronave é equipada com um motor Pratt & Whitney Canada PT6A-62. 

De acordo com o The Irish Times, o último grande incidente envolvendo um PC-9 no país ocorreu em 12 de outubro de 2009 quando uma aeronave caiu matando o cadete David Jevens e seu instrutor de voo, Capitão Derek Furniss.