Piloto único greve
Foto: Airbus

Os Estados Unidos precisarão de cerca de 145 mil novos pilotos ao longo da próxima década. O dado é do Escritório de Estatísticas do Trabalho americano – Bureau of Labor Statistics (BLS), que identificou também que no início da pandemia provocada pela Covid-19 muitos desses profissionais se aposentaram antecipadamente. A aposentadoria é, inclusive, um dos principais fatores para a previsão da próxima década – só na American Airlines, uma das maiores companhias dos EUA, cerca de 5 mil pilotos se aposentarão nos próximos 7 anos. Brasileiros interessados têm nesta uma excelente oportunidade para se mudar para o país por meio dos vistos EB-2 NIW. 

Segundo a advogada brasileira Liz Dell’Ome, fundadora da Dell’Ome Law Firm, escritório sediado em Nova Iorque, especializado em imigração para os Estados Unidos, pilotos estão em 4º lugar entre os profissionais que mais procuram o escritório em busca de assistência jurídica para obtenção de vistos de trabalho. “Aposentadoria e a retomada do turismo de lazer pós pandemia têm sido altamente impactantes no setor. A demanda simplesmente não consegue ser atendida e há a possibilidade de o piloto solicitar visto já com contrato de trabalho ou, neste caso, um passo antes, já que sua habilidade profissional trará grande benefício aos EUA”, explica a advogada.

No entanto, segundo a advogada, é preciso cautela para buscar o Green Card por meio dos vistos EB2-NIW. “É preciso se preparar, e ter a assessoria correta para atuar com essa solicitação, que tem muitos pormenores a serem considerados pelo candidato a esse visto”, explica Liz. O período do processo para obtenção do Green Card leva em média 18 meses,  e  há detalhes fundamentais para que o pedido seja atendido.

Passo a Passo para obter o Green Card por intermédio do visto EB2-NIW

Você pode conseguir seu tão sonhado Green Card por meio do visto EB-2 NIW, sem uma oferta de emprego (sponsor): Se você for um profissional com um diploma avançado ou equivalente, ou um estrangeiro com habilidades excepcionais, pode ser que você seja elegível a um visto que te leva diretamente para a Residência Permanente nos Estados Unidos.

Os critérios do visto EB-2 são:

Histórico acadêmico oficial mostrando que você possui um diploma ou certificado semelhante de uma faculdade, universidade, escola ou outra instituição de ensino relacionada à sua área de habilidade excepcional;

Cartas documentando pelo menos dez anos de experiência em tempo integral em sua ocupação;

 Uma licença para praticar sua profissão ou certificação para sua profissão, ou ocupação;

Provas de que você teve um salário acima da média ou outra remuneração por serviços que demonstrem sua habilidade excepcional;

Filiação em associação profissional;

Reconhecimento por suas realizações e contribuições significativas para sua indústria ou campo por seus pares, entidades governamentais, organizações profissionais ou empresariais;

Outras evidências comparáveis de elegibilidade também são aceitáveis.

Critérios para renúncia por interesse nacional:

O esforço proposto tem mérito substancial e importância nacional;

 Você está bem posicionado para avançar no empreendimento proposto.

 Seria benéfico para os Estados Unidos dispensar os requisitos de uma oferta de emprego e, portanto, da certificação de trabalho.

Via: Dell’Ome Law Firm