Qantas deixará de operar temporariamente com 8 aviões Airbus A380

Airbus A380

Devido à queda na demanda em voos internacionais, especialmente para a Europa, a Qantas anunciou que vai paralisar até 8 aviões do modelo Airbus A380 até setembro.

Essa atitude da companhia resulta em oito aviões, dos 12 Airbus A380 da empresa, aterrados até meados de setembro. Outros dois aviões do modelo A380 estão passando por manutenção pesada programada e atualizações de cabine, deixando apenas dois aviões na malha operando voos.

Essas mudanças adicionais levarão a redução da oferta em voos internacionais para a Qantas e a Jetstar de até 23%, em relação ao mesmo período do ano passado, e estenderão esses cortes até meados de setembro de 2020.

Em vez de cancelar as rotas, a Qantas usará aeronaves menores e reduzirá a frequência de voos para manter a conectividade geral.

A companhia também divulgou alterações de rotas em alguns voos, como no voo para Londres, que antes tinha escala em Cingapura, mas agora (e até setembro) o voo fará escala em Perth, na Austrália.

A Jetstar fará cortes significativos em sua rede internacional, incluindo a suspensão de voos para Bangcoc e a redução de vôos da Austrália para o Vietnã e o Japão pela metade.

Veja mais na tabela abaixo (em inglês):


DEIXE UMA RESPOSTA